10 Séries de Decoração para Maratonar na Netflix

series na netflix

Quem aqui não ama uma série para maratonar nos fins de semana, né?! Eu sou dessas que adora sentar para ver séries que me inspiram. E eu sou a rata de reality de Decoração. Eu sou dessas que liga no Discovery H&H e passa horas se deixar, ainda mais se minha mãe estiver comigo. Eu amo os programas de vestidos de noiva também, mas isso é outra história.

Photo by Jens Kreuter on Unsplash

Isso começou ainda na minha adolescência, com a minha mãe assistindo esses programas de Faça Você Mesmo, artesanato, decoração e coisas do tipo. Eu peguei um gosto enorme por essas coisas, e comecei a assistir por minha conta também (parece que a minha “velhice” chegou bem mais cedo para  mim ahahaha). De alguma forma, isso me ajudou muito a chegar onde eu queria chegar, sinal de que sempre vale a pena aprender coisas novas.



Quer ver um post só sobre sala de estar? Clica aqui!

Séries de decoração viciantes

Tenho aqui uma seleção de séries que estão no catálogo da Netflix para facilitar sua vida. São séries levinhas, gostosas de assistir, perfeitas para uma tarde de sábado ociosa. Então, prepara logo o balde de pipoca e sua bebidinha preferida (no meu caso é café, mesmo com a pipoca, e dane-se), pega o controle e se joga no sofá.

  • Irmãos a Obra: não é DA Netflix, e não está completa lá na plataforma, mas tem uma boa parte lá. Jonathan e Drew Scott são gêmeos que trabalham para reformar e vender a casa das famílias e ajudá-las a encontrar uma nova. Jonathan é Designer de Interiores e Empreiteiro, enquanto Drew é Corretor Imobiliário. Eles mostram o custo de obra, os percalços, o processo de compra e venda, e várias inspirações lindas de decoração. Bônus: eles são muito lindos e são uns amores. Tente não amá-los e falhe miseravelmente. 
  • Incríveis por dentro: a cada episódio, duas casas (que nem sempre são casas convencionais) são mostradas. Por fora, são casas comuns, mas por dentro, são absurdamente incríveis (no bom ou no mal sentido). Você vai ver desde casas-barco que parecem barquinhos comuns, mas são uma perfeição por dentro, até casas ordinárias que escondem um museu histórico dentro. Super vale a pena.
  • As Casas Mais Extraordinárias do Mundo: nessa série, as casas não são nada simples. Elas são construídas em montanhas, em abismos, em desertos, com os materiais mais inimagináveis possíveis. Os moradores entregam suas chaves aos apresentadores, que mostram todo o local com detalhes. O proprietário, ou a proprietária também fala sobre suas expectativas para o projeto, e quem projetou fala sobre suas inspirações e percalços. É absolutamente incrível.
  • Movimento Tiny Houses: para quem tem/curte uma casa pequena, essa série vai te ajudar um bocado. Um arquiteto e um designer de interiores vão visitar obras de famílias que querem fazer de suas casas lugares aconchegantes, mas de tamanho reduzido. É muito bacana pois é totalmente aplicável à realidade, visto que as casas são cada vez menores, e os espaços cada vez mais reduzidos, e há um aumento dos preços do m². Fora que funcionalidade é a palavra de ordem do nosso presente, com a nossa rotina corrida. A série vai te agregar sim.
  • Ordem na Casa: essa não é bem decoração, mas vai te ajudar, e muito, a manter a ordem na sua casa, o que não deixa de fazer parte do resto. A Marie Kondo, referência mundial em organização (afinal, tem alguma coisa que japoneses não saibam fazer bem feito?), visita famílias que precisam de uma mãozinha com a bagunça que não conseguem mais dar conta, e ela mostra que a organização pode sim mudar sua vida. A Marie é uma das pessoas mais fofinhas que já vi, dá vontade de pegá-la pelas bochechas e apertar bem muito de tão fofa. Sério, assistam. Aviso: pode ser que vez ou outra você precise de um lencinho, só de backup.



Photo by Jens Kreuter on Unsplash
  • Reforme na Baixa, Fature na Alta: é muito massa. A Designer de Interiores Genevieve Gorder e o Especialista em Mercado Imobiliário Peter Lorimer trabalham para melhorar casas para aluguel de temporada de férias. Então a Genevieve faz um projeto de reforma do local para transformá-lo no paraíso na terra, e o Peter trabalha com o marketing imobiliário para que a casa seja buscada como destino de férias. Legal perceber as especificidades e as necessidades de cada local. A Genevieve mostra, mesmo que indiretamente, logo no primeiro episódio, a importância de ter um profissional na hora de uma reforma geral. Ela mostra como a cozinha precisava ser melhor aproveitada em termos de espaço, e como o peso do seu mobiliário poderia atrapalhar na fluidez da casa-barco, coisas que os proprietários não levaram em conta. A série tem muito a ensinar, então vejam.
  • Big dream, Small Spaces: para quem gosta de jardins, esse é o programa. O paisagista vê o que os proprietários buscam para seus espaços e usa do paisagismo para transformar seus jardins em espaços lindos e bucólicos, que atendam ao que os proprietários queriam, indo além em termos de beleza. Essa é uma série um pouco mais parada. Tem um tanto de seriedade, bem estilo inglês, mas dá para aprender bastante com ela, principalmente como lidar com as plantinhas.
  • Great Interior Design Challenge: esse reality é bem interessante. Cada episódio eles têm um desafio, com um novo orçamento, com novos clientes, em um novo local. Mas há uma peculiaridade que me chamou atenção: em cada episódio, eles se centram em um dos competidores, e falam um pouco de sua história, seu estilo, e deixa que ele se apresente e apresente como ele trabalha. Ou seja, seus competidores não são apenas competidores; eles também são mostrados pela sua história e pelo seu trabalho, seu modo de trabalho, seu estilo, o que mostra o quão humana é a nossa profissão de Designer de Interiores.
  • Magos da Decoração: Designers de Interiores entram em uma competição para conseguir grandes contratos para grandes projetos. Mas eles precisam agradar um júri bem exigente, incluindo uma editora de revista de decoração que busca “sonhos”. Cada episódio tem um novo desafio para eles, com as mais diversas inspirações. Vocês vão ver o que é passar perrengue e levar patadas aqui.
  • Abstract – The Art of design: um passeio pelo mundo do Design em geral. Para quem quer conhecer um pouco de cada área do design, é uma série maravilhosa. Mas se quiser ir direto ao ponto, o episódio 4 é do Arquiteto Bjarke Ingels, e o episódio 8 é da Designer de interiores Ilse Crawford. Nessa série nós temos: Ilustração, Design de Produto (tênis da Nike), Cenografia de Show, Arquitetura, Design Automobilístico, Tipografia, Fotografia e Design de Interiores, nessa ordem. É mole ou quer mais? Spoiler: reserve um lencinho para o episódio de Fotografia, vai por mim. Apesar de eu amar minha área, o episódio do fotógrafo Platon foi, de longe, o mais tocante de todos da série. A série é inspiradora, cheia de coisas para se aprender, seja você da área ou não, e é muito dinâmica. Assistam!

Já escolheu qual vai assistir primeiro? Deixa aqui nos comentários o que você achou dessas série. E manda esse post para aquela sua amiga que é rata de Netflix e adora um programa de reforma. Eu sou dessas que, quando eu gosto de uma coisa, eu espalho pra todo mundo. 

Bebam água, façam carinho no gatinho, e até o próximo post!



Curta e compartilhe:

Mais da Fulô:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *